Governo de Maduro acusa TAP


fevereiro 14, 2020

O Governo de Nicolás Maduro acusa a TAP de ter violado padrões internacionais, por permitir transportar explosivos na viagem para a Venezuela e ter ocultado a identidade do líder da oposição, Juan Guaidó.

As autoridades venezuelanas consideram que a TAP, num voo entre Lisboa e Caracas, violou normas de segurança internacionais ao permitir a transportação de explosivos.

Segundo o Governo venezuelano, Juan Marquez, acompanhante de Juan Guaidó, transportou lanternas de bolso tácticas que escondiam substâncias químicas explosivas no compartimento da bateria.

Comentários(0)

Log in to comment