Angola começa o ressenceamento Agro-pecuário


agosto 18, 2020

Está oficialmente lançado o ressenciamento agro-pecurário e pescas na provínvia do Cunene, um programa em que pelo menos cem técnicos deverão trabalhar com a finalidade de ter melhor conhecimento das potencialidades do sector.

A Vice-governadora para o Sector Político Social e Económico, Soraya Calonguela, destacou a importancia da operação.

Já o Coordenador Provincial do ressenciamento agro-pecuário e pescas, Pedro Tibério, garantiu que cerca de cem técnicos vão participar da operação.

Operação na qual a colheita de dados será feita com base em quatro tipos de questionários, nomeadamente, listagem, comunitário, explorações familiares e explorações empresariais, respectivamente.

O governo busca com esta iniciativa, conhecer 300 indicadores práticos como o tipo de culturas mais frequente, a medição de cada parcela, o número de famílias que vivem de agricultura e pescas, entre outras actividades conexas.

Lembrar que o RAPP 2019-2020 decorre sob o lema “Apostemos na Agricultura e Pescas Familiar para o Auto-suficiência Alimentar”.

O RAPP é coordenado pelo INE, conta com a parceria do Ministério da Agricultura e Pescas e é financiado pelo BM e outros intervenientes.

Comentários(0)

Log in to comment