Yuri da Cunha

548 vizualizações
Género Zouk, Semba, Soul
Facebook Yuridacunhaoficial
Twitter yuridacunha

Yuri da Cunha, cantor angolano,  nascido no Sumbe, província do Kwanza-Sul.

Começou sua carreira depois de vencer um concurso de rua, em 1994, em sua cidade natal. Dez anos depois, venceu um outro concurso com a música Makumba, ao ser escolhido pelo público entre os dez mais tocados na rádio local.

Em 1996 seguiu para Lisboa (Portugal), onde gravou o seu primeiro trabalho discográfico intitulado “É tudo Amor”, nos estúdios da produtora Valentim de Carvalho. Nesse ano arrebatou o prémio da Rádio Televisão Portuguesa (RTP) para o melhor vídeo clipe e de melhor música do ano dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) na Holanda.

O primeiro disco, “É Tudo Amor”, gravou-o em Portugal, pela Valentim de Carvalho, em 1999. “Makumba”, a canção que o tornou conhecido do grande público, gravou-a em 2003 e venceu o Top dos Mais Queridos em Angola no ano seguinte, 2004.

O segundo disco chega em 2005. O disco intitulado “Eu”, foi lançado em Janeiro, e permitiu-lhe confirmar o sucesso de temas que o colocaram na ribalta do music hall angolano. No disco “Eu”, Yuri da Cunha apresenta treze temas em estilos como o semba, rumba e kizomba, cantados em português e kimbundo, dos quais as músicas “Homem é bom”, “Njila”, “Simão”, “Kalundu” e “Está doer” foram grandes sucessos na rádio e discotecas.

O terceiro album de Yuri da Cunha foi lançado em 2008 com título em kimbundu, “Kuma Kwa Kié”.

Em 2012 Lança o album "Canta Artur Nunes" em homenagem ao malogrado cantor. Um ano depois chega O Cd "kandengue atrevido", com o tema com o mesmo nome a trazer um dueto com Paulo Flores. Em 2015, cantor lança o ultimo e mais recente album "O Interprete", que conta com temas de sucesso como "De alma na paixão" e "Gago".

Discografia

  • 1999: É tudo amor
  • 2005: Eu
  • 2008: kuma Kua Kié
  • 2012: Canta Artur Nunes
  • 2013: Kandengue Atrevido
  • 2015: O Interprete

Comentários(0)

Log in to comment